Remédios Diuréticos

Mostrando 36 itens de 55

  1. 1
  2. 2

Mostrando 36 itens de 55

  1. 1
  2. 2

Mais sobre remédios diuréticos

Os remédios diuréticos são uns dos medicamentos mais utilizados na medicina, capazes de serem utilizados no tratamento de diversas doenças comum ao Brasileiro (a), doenças como hipertensão, insuficiência cardíaca, cirrose hepática e insuficiência renal.

Os remédios diuréticos são normalmente utilizados quando se apresenta uma doença ou mal que necessite da perda relevante de líquido em um curto período de tempo, de tal forma a serem recomendados apenas por um médico ou farmacêutico de confiança.

Medicamentos diuréticos possuem diversas classes, cada uma com mecanismo de ação e funções diferentes, possuindo em comum entre todos os diuréticos o fato de elevarem a eliminação de água pelos rins, geralmente em resposta ao aumento da perda de sódio (sal) nos tubos renais.

Como funciona os remédios diuréticos?

Os remédios diuréticos são fármacos com objetivo de elevarem o volume de urina excretada pelos rins, dessa forma diminuem os níveis de líquido circulando na corrente sanguínea, a pressão exercida nas artérias e o inchaço em diferentes áreas do corpo provocado pela retenção de líquido em excesso.

Com essa função os fármacos diuréticos mais comuns são: Hidroclorotiazida, Furosemida e Espironolactona, tais remédios diuréticos podem ser recomendados para o controle e tratamento de doenças como pressão alta, insuficiência cardíaca e inchaços nos tornozelos, pés e pernas, provocados por alterações do funcionamento do coração ou doenças no fígado e rins, entre outras.

Diuréticos mais comuns no mercado

Os remédios diuréticos podem ser divididos em três principais tipos: diuréticos de alça, tiazídicos e poupadores de potássio.

Embora alguns sejam vendidos livremente, nenhum medicamento deve ser utilizado sem a orientação e recomendação de um médico.

Os medicamentos diuréticos mais utilizados pela medicina são:

Diuréticos de alça: esta classe de diurético atua diretamente no rim, aumentando o volume e minimizando a concentração de urina no órgão.

Exemplos de medicamentos diuréticos de alça:

Diuréticos tiazídicos: este grupo de fármacos diuréticos tem como atuação, a inibição da reabsorção de sódio na parte inicial do túbulo contorcido distal do rim, para aumentar a excreção de urina.

Exemplos de medicamentos diuréticos tiazídicos:

Diuréticos poupadores de potássio: os fármacos diuréticos poupadores de potássio agem nas células principais dos ductos coletores, reduzindo a diurese, dessa forma evitam a excreção de potássio.

Exemplos de medicamentos diuréticos poupadores de potássio:

Existem também os medicamentos diuréticos combinados, sendo comum o médico prescrever duas classes em simultâneo. Podendo ser encontrado no mercado as combinações prontas, como, por exemplo:

Muito embora estes medicamentos apresentem mecanismos de atuação diferentes, todos medicamentos diuréticos possuem uma função principal: elevar a eliminação de sódio (sal) e água através da excreção de urina.

Fechar

Clique aqui e saiba mais sobre a nossa
Política de Envio.
Consulte no rodapé da loja nossas políticas.